Massagem tântrica
É uma massagem feita com os dedos no corpo por quarenta minutos para despertar a bioeletricidade e nos genitais com as mãos em luvas e óleo por uma hora para elevar o padrão orgástico.
Só a massagem tântrica consegue este resultado extraordinário. Manter a ereção no homem por uma hora sem ejaculação sob intenso prazer e produzir multiorgasmos na mulher. Após várias experiências o corpo apresenta profunda transformação para a saúde e bem-estar.

Vamos falar da massagem tântrica, essa tão notável, célebre, famosa e famigerada massagem que ousa tocar nos limites da moral de muitas pessoas. Isso acontece porque a massagem não exclui os genitais da massagem. Ah, quer dizer que na massagem toca-se nos genitais ? Sim, sim, é a massagem que se caracteriza especialmente por isso. Há muito tempo, há milênios. O personagem histórico Shiva observou que o sexo faz bem à saúde. Observou, praticou e contou para todo o mundo. E por isso ficou famoso e reconhecido como o pai do tantra. Tudo porque disse que o sexo faz bem à saúde. Hoje, modernamente, alguém ousaria discordar de que o sexo faz bem para a saúde ? Hãnn, você discorda ?

Ao receber essa massagem, o interagente apresenta um quadro em que sua frequência respiratória aumenta significativamente. Isso quer dizer que excesso de oxigênio chega às células e portanto mais energia biológica é produzida. Esta energia é capaz de produzir movimento através da musculatura e por conseguinte é capaz de produzir vida. Produzir energia significa criar movimento, saúde, bem-estar, vida. Em aulas demonstra-se aos alunos a conexão entre determinadas manobras da massagem e a vida. Demonstra-se o impulso da criação vital.

Respiração suplementar
A inspiração leva mais oxigênio aos pulmões do que o normal e a expiração traz mais gás carbônico deles. Assim um saldo maior de oxigênio é levado às células e mais energia é produzida.

Respiração suplementar é uma respiração circular em que a inspiração fica conectada com a expiração. É uma respiração acima do normal em que o volume máximo do pulmão vai além do volume máximo normal e o volume mínimo fica aquém do normal. Respire assim por uma hora ou o tempo que conseguir. O tempo é função do treino do diafragma. O diafragma é um músculo que precisa de treinamento para produzir energia à pessoa que está respirando tal como o músculo do quadríceps da coxa ao corredor. Então, comece respirando por 5 minutos e vai aumentando esse tempo à medida que o diafragma for assimilando o treinamento.
Normalmente respiramos sob demanda. Primeiro a atividade consome energia e em seguida o sistema respiratório é acionado para mandar mais oxigênio às células. Na mitocôndria celular o oxigênio reage com uma coenzima produzindo energia na forma da molécula de adenosinatrifosfato.

Nesta meditação provoca-se uma situação oposta. Enquanto na posição deitada, sem consumo de energia e com o metabolismo em sua condição basal, manda-se mais oxigênio às células. Com isso gera-se um saldo positivo de energia, moléculas de adenosinatrifosfato, resultando em um formigamento pelo corpo. Através do treino esse formigamento é reconhecido como prazer e êxtase.
Meditar é silenciar o pensamento. Silenciar absolutamente o pensamento é difícil. Mas, também, nem se está exigindo tanto. Evite pensamentos inoportunos e inúteis. Coloque o pensamento a seu serviço. Neste momento coloque o pensamento na respiração. Olhe-se por dentro e sinta todos os efeitos desta respiração. Você vai se surpreender e se encantar. Natural e espontaneamente você vai agradecer ao impulso da criação vital, vai se emocionar com os mistérios da vida.

De manhã, ao acordar, antes de sair da cama, na posição deitada, respire profundamente.por no mínimo trinta minutos.

Sono restaurador

As atividades diárias causam deformações ou mesmo microlesões nas fibras musculares a que se chama cansaço ou fadiga. É necessário dormir tempo suficiente para os músculos voltarem a suas condições integrais. Um bom primeiro passo é eliminar o despertador.

Sono restaurador restaura o que ? Vida, energia, movimento são quase a mesma coisa produzidos pelo tecido muscular. Produzir energia significa gerar moléculas de adenosinatrifosfato que promovem a contração muscular e por conseguinte o movimento. Em nossas atividades diárias a musculatura sofre deformações e mesmo microlesões a que se chamam cansaço ou fadiga. O sono promove uma condição de profundo repouso e irrigação da musculatura com sangue quando o músculo proteico recobra a forma e sana as microlesões. E assim o sono restaura a musculatura.

Exercício físico​

O exercício físico aeróbico é o mais adequado ao treinamento da musculatura na produção de energia. Assim, prefira a corrida. Tudo o que se pretende é que os músculos estejam limpos e íntegros para não prejudicar os processos energéticos do metabolismo. Treine 30 minutos todos os dias.

Exercício físico é o treinamento da musculatura na produção de energia. Ao consumir energia o corpo se vê na contingência de produzir e repor a que foi gasta. Por permitir respiração anaeróbica ultra-aeróbica o melhor exercício é a corrida. A respiração aeróbica produz energia com a presença de oxigênio e a anaeróbica sem oxigênio. A respiração aeróbica é dezenove vezes mais eficiente do que a respiração anaeróbica. No primeiro momento da corrida a respiração aeróbica é prevalecente mas à medida que o atleta aumenta a velocidade começa acontecer também a respiração anaeróbica ocasionando dores musculares. Persistindo o atleta na corrida à exaustão a musculatura dá início à produção de endorfinas capazes de aplacar as dores. Assim é possível queimar grande quantidade de massa gorda fazendo o corpo produzir mais massa magra que são os músculos responsáveis pela produção de energia.
Corra à exaustão por pelo menos trinta minutos todos os dias.

Alimentação adequada

​Não leve toxinas para seus músculos pois elas atrapalham as reações metabólicas e as células musculares ficam menos capazes de produzir energia. Eliminar açúcar e trigo e reduzir produtos e origem animal a setenta gramas por dia é um bom começo. Com o tempo o corpo saberá selecionar os melhores alimentos.

 

Aqui já deve estar abolida qualquer postura que signifique intoxicação para o corpo como fumo, álcool, drogas ou remédios.
Alimentação adequada começa por eliminar da ingesta o açúcar e o trigo e limitar os produtos de origem animal em setenta gramas por dia. Adicionalmente é bom que os alimentos sejam pouco cozidos para evitar decomposição dos alimentos produzindo toxinas. Uma razão para eliminar o açúcar é evolutiva. O homem evoluiu por milhões de anos em um ambiente sem açúcar e de repente uma quantidade astronômica do adoçante invade o paladar de pessoas nitidamente não adaptadas para isso. Outra razão é que produz doença séria como o diabetes. Mas a razão fundamental é a interferência negativa nos processos energéticos metabólicos. Excesso de açúcar na célula muscular representa toxinas que atrapalham a produção de energia essencial para a vida. Quanto ao trigo, a primeira razão para eliminar esse alimento é que ele requer energia de ativação para dar início à digestão por ser uma molécula de grande cadeia carbônica. É um alimento de baixa biodisponibilidade sendo eliminado pelo intestino quase em sua totalidade. Isso afeta negativamente o equilíbrio de produção de energia do corpo. E por fim limite a proteína de origem animal porque o corpo simplesmente não necessita mais que setenta gramas por dia. Todo excesso representará esforço de eliminação do corpo ou será acumulado levando à obesidade o que de longe não é desejável

Início do curso de tantra
Sistema é um conjunto funcional de partes interconectadas e que se comunicam. Compradas todas as peças de um automóvel tem-se as peças mas não se tem o automóvel. É necessário montar as peças para que o automóvel funcione. O tanque de combustível deve se comunicar com a ignição. A ignição deve se comunicar com a bateria. Mesmo depois de montado o automóvel ainda depende do motorista para se mover. Quando o motorista gira a chave de ignição está se comunicando com o carro e continuará se comunicando com a embreagem e o câmbio. Durante a viagem o motorista se comunica com o automóvel o tempo todo. Este conjunto é um sistema. O SistemaDeva compreende cinco atividades que levam à saúde. De nada vale ser dono do mundo se não tiver saúde. Saúde é o patrimônio mais importante da vida. Ter saúde é normal embora pareça o contrário. As pessoas estão doentes porque não cumprem um simples ritual da existência, um ritual natural, espontâneo, alimentar-se adequadamente, exercitar fisicamente, dormir bastante, respirar profundamente e praticar sexo ou receber massagem tântrica. A busca incessante por riqueza material torna as pessoas mais propensas ao álcool e fumo, ao sedentarismo, à insônia por excesso de trabalho, a respiração vai se tornando cada vez menor, levando cada vez menos oxigênio às células e o ato sexual não passa de quinze minutos. Esta é a fórmula para ganhar dinheiro e perder saúde. O SistemaDeva propõe um ciclo virtuoso da saúde robusta, da saúde plena, da plenitude.
Recomendações categóricas porque estão em sintonia com as leis da natureza. Categóricas porque não são relativas, não dependem de opinião ou de sentimentos da percepção sujeitos a erros. Os fenômenos da natureza evoluem de acordo com suas leis e quem faz afirmação e age segundo essas leis acertam. Quem não segue essas leis erra. Por exemplo, quem disser que mais tarde será noite e a noite é escura, acerta. Quem disser que o agricultor deve plantar no outono para ter maior produtividade, acerta. Há sempre uma possibilidade de acerto e muitas possibilidades de erro. Recomendação categórica é uma recomendação sabidamente acertada, tão correta quanto a clareza do dia e a escuridão da noite. E o que é metafísica ? Metafísica está além da física, está além da matéria, está além da percepção sensorial. As percepções sensoriais estão muito sujeitas a erros. Por exemplo, a percepção de uma espetada de agulha no polegar ou dedão do pé é de maior dor do que no glúteo. A percepção de pimenta na boca é intensa mas não mata, já a percepção de cianeto na boca é quase nula e leva à morte.O pensamento é uma sensação metafísica produzida por uma enorme quantidade de neurônios, 85 bilhões de células neurológicas. A sensação do pensamento produzida por uma quantidade astronômica de neurônios pode corrigir erros de sensações produzidas por poucos neurônios. O corpo humano tem 65 milhões de neurônios exceto o cérebro e só o cérebro humano tem 85 bilhões deles. Daí sentimos o pensamento, a sensação lógica da lei da natureza.
Os humanos se distinguem dos demais animais pelo pensamento. O pensamento é uma sensação lógica que pode estar em consonância com as leis da natureza porque é produzido por uma quantidade astronomicamente alta de oitenta e cinco bilhões de neurônios. O pensamento deve ser usado para libertar o corpo e não para oprimi-lo. É o pensamento que cria condições para produzir etanol mas essa molécula ingerida é destruída no fígado com consumo de energia e sem nenhum benefício. Assim o pensamento está usado para oprimir o corpo. Mas ao usar o pensamento para evitar açúcar e trigo está sendo usado para libertar o corpo. Açúcar é sabidamente prejudicial à saúde, produz doença grave como diabetes. Humanos bem como todos os animais evoluíram biologicamente num ambiente sem açúcar e portanto não estão adaptados a ingerir quantidade tão alta. Também o trigo deve ser evitado porque tem cadeia carbônica muito alta requerendo grande quantidade de energia de ativação para digerir. A quantidade de carbonos na molécula de trigo é próxima à da celulose que não pode ser digerida por humanos.O pensamento existe metafisicamente, está além da física, é a conexão de bilhões de neurônio. Não tem forma, não tem cor, não é tangível mas existe porque sentimos, é a sensação lógica do humanos. Usar o pensamento para libertar o corpo é a atitude mais louvável possível, mais rica, mais digna geradora da verdadeira abundância. Colocar o pensamento a serviço da saúde, do bem-estar, da longevidade.
Fazer exercício físico anaeróbico ultra-aeróbico significa correr à exaustão. Só a corrida proporciona esse tipo de benefício. No início da corrida faz-se a respiração aeróbica, à medida que a musculatura demanda energia o metabolismo consome oxigênio para repor a energia consumida. Há uma velocidade confortável que varia de 6 quilômetros por hora para iniciantes a 18 km/h para maratonistas experientes. Acima desta velocidade confortável ou velocidade aeróbica a inspiração não é suficiente para suprir o metabolismo com oxigênio que lança mão da respiração sem oxigênio ou respiração anaeróbica. A respiração aeróbica é 19 vezes mais eficiente do que a respiração anaeróbica. Isto significa que o consumo de massa durante a respiração anaeróbica é muito grande levando o corredor a sentir dores pelo corpo durante a queima dessa massa. O corpo humano tem uma rede neurológica muito eficiente que leva ao cérebro todas as informações que estejam acontecendo com o corpo. Sabedor disto o atleta suporta a dor e persiste e então a musculatura começa a produzir endorfinas, substâncias que aplacam a dor. E é isto que se denomina correr à exaustão. A corrida à exaustão é excelente para treinar a musculatura a cumprir bem seu papel que é produzir energia para a vida e curar doenças. A corrida tem a vantagem de não ser nada burocrática, não precisa pagar academia, não tem horário rigoroso a cumprir. O corredor sai de frente de seu portão e vai por 15 minuto, vira e retorna até sua casa. Simples.
Durante o sono o metabolismo é muito baixo, também chamado de metabolismo basal, é o momento em que a musculatura fica o mais relaxada possível permitindo que o sangue abasteça e nutra todas as células musculares, algo que não é possível em momento de tensão e estresse. Assim um sono restaurador restaura o que ? Restaura células musculares de microlesões e deformações sofridas durante o dia. A evolução biológica da espécie Homo sapiens ocorreu em um ambiente em que dormia-se 12 horas por noite. Apenas escurecia e os humanos iam dormir e só acordavam ao clarear do dia. O hábito de dormir pouco é muito recente, começou com a segunda revolução industrial dada a invenção da energia elétrica e sua aplicação na sociedade. O advento da televisão e internet é ainda mais recente, recentíssimo. Ainda não houve tempo para uma evolução biológica de adaptação com pouco sono. É preciso dormir bastante para se ter boa saúde, comece por eliminar o despertador. Se necessário deite mais cedo. Deite tão cedo quanto o suficiente para acordar naturalmente sem despertador. Deite com a digestão feita. Quatro horas são suficiente. Três horas pode ser adequado. Jamais coma em menos que duas horas antes de deitar. Insônia significa um desequilíbrio entre alimentação adequada e oxigenação das células. Exercícios físicos que treinem as células a bem metabolizar substratos de qualidade originados em boa alimentação com respiração suplementar levam à saúde, bem-estar e longevidade. E isso é muito barato.

É uma respiração acima do normal em que o volume máximo do pulmão vai além do volume máximo normal e o volume mínimo fica aquém do normal. Respire assim por uma hora ou o tempo que conseguir. O tempo é função do treino do diafragma. O diafragma é um músculo que precisa de treinamento para produzir energia à pessoa que está respirando tal como o músculo do quadríceps da coxa ao corredor. Então, comece respirando por 5 minutos e vai aumentando esse tempo à medida que o diafragma for assimilando o treinamento. Nesta meditação provoca-se uma situação oposta. Enquanto na posição deitada, sem consumo de energia e com o metabolismo em sua condição basal, manda-se mais oxigênio às células. Com isso gera-se um saldo positivo de energia, moléculas de adenosinatrifosfato, resultando em um formigamento pelo corpo. Através do treino esse formigamento é reconhecido como prazer e êxtase. Meditar é silenciar o pensamento. Silenciar absolutamente o pensamento é difícil. Mas, também, nem se está exigindo tanto. Evite pensamentos inoportunos e inúteis. Coloque o pensamento a seu serviço. Neste momento coloque o pensamento na respiração. Olhe-se por dentro e sinta todos os efeitos desta respiração. Você vai se surpreender e se encantar. Natural e espontaneamente você vai agradecer ao impulso da criação vital, vai se emocionar com os mistérios da vida. De manhã, ao acordar, antes de sair da cama, na posição deitada, respire profundamente por no mínimo trinta minutos.

Por não ser uma massagem sexual, o objetivo desta técnica de massagem não é chegar a um clímax, um orgasmo focado nos genitais, como é conhecido no sexo comum, e sim quebrar o paradigma de que o orgasmo está exclusivamente vinculado aos genitais. Nesta massagem, todo o potencial sensorial do seu corpo é despertado e você descobre uma nova perspectiva orgástica. O orgasmo se revela independentemente, no caso do homem dissociado da ejaculação, mesmo que ela possa ocorrer. No caso da mulher, uma experiência de continuidade orgástica, que denominamos perenização, isto é, não há uma queda ou interrupção do fluxo orgástico, o orgasmo torna-se multiplicado e perene. O objetivo desta massagem é a oportunidade de experimentar novas possibilidades de prazer, partindo de uma nova perspectiva, segundo a proposta da visão tântrica. Oferecer um novo caminho de crescimento, expansão e consciência. Os efeitos do prazer são absolutamente positivos. Do ponto de vista físico, ele estimula a circulação sanguínea e aumenta a energia. Entre os efeitos emocionais estão um aumento da auto-estima, da autoconfiança e da perspicácia da mente. Do ponto de vista espiritual, propicia uma maior valorização de seus dons e contribui para uma visão mais clara da vida. Aprendemos a ter um novo sentimento do caráter humano, deixamos de sentir o indivíduo para sentir a humanidade.​​ Humanidade no sentido do caráter humano, as características mentais e emocionais que causam sofrimento.
A musculatura é formada por músculos. O músculo é formado por tecido muscular e o tecido é formado por células musculares. É esse tipo celular que produz energia para a vida e o faz em uma instância da célula chamada mitocôndria Aí ocorre a reação química de fosforilação oxidativa produzindo a energia. Não há misticismo. A energia é concreta e mensurável na forma da molécula química de adenosinatrifosfato. A energia vital está no movimento de elétrons na ligação química entre a raiz da molécula com o terceiro fosfato. O movimento destes elétrons se transforma em movimento do corpo através de contrações e distensões dos músculos. Tudo o que precisamos fazer é levar oxigênio até as células. O oxigênio se encontra com substratos da alimentação e a partir daí o corpo sabe o que fazer, produzir energia. Produzida a energia um conjunto de coisas boas acontece ao corpo: disposição física, bom humor, vontade de trabalhar e estudar, vontade de ajudar e de amar, alegria, felicidade. A situação recíproca é verdadeira, quando o corpo não produz energia um mal-estar abate o corpo, insegurança, ciúmes, mau humor, reatividade, perda de autoestima, depressão. Se este quadro continua a pessoa fica doente e pode ir a morte. E então cabe a pergunta: qual a diferença entre o vivo e o morto ? E a resposta é fácil. O vivo produz energia e o morto não mais produz energia. Tanto mais vida se tem quanto mais energia o corpo produz. A produção de energia é uma questão de treinamento. Treine a célula.

Deva Adheesh não é um nome de batismo ou nome civil, é um nome na língua morta sânscrito que representa a essência, o que é e o que deve ser. Também é chamado de sannyas, um atributo do portador. A tradução para a língua portuguesa é divina piedade. Deva é o adjetivo divina. Adheesh é o substantivo abstrato piedade. Piedade no sentido literal é um sentimento que só Deus pode ter pelo sofrimento dos humanos. No sentido metafórico todos sabemos o que é este sentimento que é como dó, compaixão, solidariedade. Buda se preocupou muito com o sofrimento do povo ao meio do qual se embrenhou perguntando às pessoas e estudando solução. Buda concluiu que o sofrimento vem do desejo e que há duas formas de resolver, (1) eliminar o desejo ou (2) satisfazer o desejo. Verificou que eliminar o desejo está ao alcance de todos através da meditação e satisfazer o desejo é uma solução falsa pois a cada desejo satisfeito ocorre o aparecimento de um novo desejo numa escalada sem fim.

Modernamente dispomos de muitos recursos para amenizar o sofrimento das pessoas e o tantra é uma ferramenta espetacular quando reduzimos a ignorância sobre o corpo e usamos do conhecimento metafísico sobre o comportamento da natureza humana. O InstitutoDeva perfeitamente sintonizado em pesquisas fisiológicas e pesquisas sobre a sexualidade humana desenvolve um trabalho pioneiro de elevação da saúde e redução do sofrimento. O InstitutoDeva tem um site institutodeva.com.br e está focado nos trabalhos de meditação.

Tan significa expansão e tra significa libertação. Então tantra significa expansão da liberdade. Tantra é uma palavra da língua morta sânscrito e usamos porque transmite um conteúdo profundo muitas vezes difícil de traduzir. Tal como da língua morta latim ainda usamos palavras porque não conseguimos uma tradução ideal. A palavra latina data vênia tem um amplo significado que se fosse dito em português consumiria muitas palavras. Data vênia quer dizer que respeita-se integralmente a opinião de um adversário mas que tem-se uma opinião contrária. A figura é o símbolo do tantra que perpassou cinco milênios até chegar até nós. Nesse tempo a palavra tantra foi adquirindo conotações válidas usadas em diferentes contextos. Liberdade é um bem do ser humano. Mas, quão grande é a sua liberdade ? Você está certo de que nenhuma crença limita a sua liberdade ? Tantra é um estilo de vida que expande a sua liberdade através de suas palavras e seus atos sem desprezar jamais a sexualidade. No tantra o sexo não é um fim, não é um objetivo, não é um ato que produz dor, arrependimentos e frustrações, no tantra sexo é um instrumento, é uma ferramenta, é um caminho, é um meio para se alcançar uma plenitude corporal e espiritual. Mens sana in corpore sano é uma citação latina. A frase é parte da questão sobre o que as pessoas deveriam desejar na vida. Deve-se pedir em oração que a mente seja sã num corpo são. O corpo contém a sexualidade que deve ser respeitada, reverenciada, e sobretudo praticada.

Shiva, pai do tantra, no Nepal, é reverenciado pelos habitantes através desta exuberante estátua de 48 metros de altura. Shiva perpassou por 5 milênios e chega até nós com sua observação intacta. E o que fez ele de importante ? Num momento da história da humanidade em que surge o mais rico produto do pensamento, a consciência, Shiva observou que a sexualidade melhorava a saúde. Assim ele praticou muito sexo, contou para todos e ficou famoso. Shiva deu origem a um estilo de vida capaz de elevar homens e mulheres ao mais elevado estágio da consciência corporal e espiritual, a hiperconsciência. O gênero Homo foi forjado há 6 milhões de anos. A espécie Homo sapiens surge há 200 mil anos. há 20 mil anos o homem começa a colocar a inteligência a seu serviço por meio da seleção de plantas e animais e facilitando sua existência na Terra. Mas foi somente há 6 mil anos que o Homem elevou sua consciência a Deus através de Abraão que falou com o Altíssimo. Abraão começou a escrever a bíblia implantando um conjunto de regras que chegaram aos nossos dias através do sofisticado nome de algoritmos. Regras e algoritmos são ótimos para a produção de riquezas materiais tão almejadas por nossa cultura Judaico-Cristã. Contemporaneamente nossa cultura e o tantra parecem transitar na contramão. Nosso papel, contudo, é integrar esses dois vetores e seguir o vetor resultante e usufruir da riqueza material sem estresse e sem doenças. Embora não pareça, a saúde é normal e não o contrário.

Chakras são vórtices de energia do corpo físico vinculados a percepções sensoriais e metafísicas. São sete os chakras cujos nomes provêm do idioma sânscrito, muladara, swadistana, manipura, anahata, vishuda, agya e sahasrara. O primeiro deles, o muladara que significa raiz fica localizado na região musculosa perineal da base da coluna, entre o ânus e o genital. É nele em que reside a energia kundalínica e reflete o instinto de sobrevivência. O segundo chakra swadistana que significa a própria morada é localizado abaixo do umbigo na região musculosa da bifurcação de veias e artérias. Controla o fluxo da energia sexual, do consumo de adenosinatrifosfato ou orgasmo. O terceiro chakra significa cidade das joias e fica à altura do estômago e relaciona-se aos órgãos do aparelho digestivo. Fornece a sensação de poder pessoal, de realização e de capacidade. O quarto chakra se chama anahata significa inviolado e fica dentro do peito na musculatura cardíaca. Quando fica inundado de energia a pessoa sente um amor profundo, amor materno, amor fraterno, amor incondicional que vem de dentro e não depende de nenhuma interferência externa. O quinto chakra vishuda significa o purificador e fica localizado na base da gargante, nas cordas vocais. Representa a energia consumida nas cordas vocais para a expressão e comunicabilidade. Não há liderança sem fala, e este é o chakra do líder. O sexto chakra agya fica no cento da testa e está ligado à espiritualidade. O sahasrara fica no topo da cabeça.

Olha que lindo. É muito lindo. Um corpo desenvolvido. Um corpo tantricamente desenvolvido. É possível sentir os chakras distintamente e cada um conectado ao universo. Este é um estado orgástico de corpo inteiro. Pois bem, o tantra faz isto, sentimos uma conexão com o universo. O oposto disto é um corpo isolado, um corpo que não mais é capaz de perceber sensações profundas. Isso ocorre, por exemplo, com quem é alcoólatra. Há pessoas em que o vício é tão sério que logo antes do café da manhã já toma uma dose de álcool. Drogas ou remédios também levam pessoas a um elevado grau de isolamento. Tais pessoas vão requerendo doses cada vez mais elevadas até que suas células entram em colapso. O tantra eleva as sensações de vida e de conexão através da bioeletricidade adequadamente conduzida pelas sinapses. Sinapses são regiões entre dois neurônios que modulam a passagem dos potenciais de ação. As sinapses são preenchidas com uma solução eletrolítica tornando o fio neurológico ora mais condutor ora mais isolante. O anestésico torna mais isolante razão pela qual não transmite a dor. É importante que a sinapse seja mais condutora. O treinamento tântrico torna o fio neurológico mais condutor de forma sustentável e sem efeitos colaterais. Por isso o corpo tem a sensação de que está conectado com o universo, uma sensação de enorme prazer. Uma rede neurológica nestas condições é capaz de informar ao cérebro tudo o que está acontecendo no corpo trazendo saúde e perfeita consciência corporal.

Quem já viu a energia ? Ninguém viu. O que você viu foi movimento e concluiu que ali havia energia. É comum observar crianças em intrépidos movimentos e concluir que elas têm muita energia. É comum observar o roqueiro inglês Sir Michael Philip Mick Jagger pulando no palco mais que saci e concluir, oh como esse velho tem energia. Energia é uma grandeza metafísica inventada pela matemática para fazer o encontro de movimentos ou velocidades de corpos de diversas massas. Houve momento em passado remoto em que toda a matéria do universo estava disposta em um único ponto e fora desse ponto nada havia. Era a matéria e o vácuo. A matéria num ponto e o vácuo no resto. A matéria era muito densa e estava parada. O vácuo era vazio, vazio também de luz, no vácuo havia trevas. Então parte da matéria se transforma em movimento da outra parte e tem-se início transformações que criaram o universo há 13,7 bilhões de anos. Parte da matéria é consumida para que a outra parte movimente. Parte da matéria é consumida para a criação de luz. Desaparecem as trevas e aparece a luz. O espaço antes vazio é preenchido com matéria e luz. Matéria e luz se movimentam em expansão. A matéria estava parada e agora a matéria se movimenta e cadê a energia ? Energia não existe, o que existe é movimento. E por que falamos em energia ? Bem, energia é uma invenção humana, uma grandeza matemática, uma grandeza percebida metafisicamente a partir do pensamento humano e serve para comparar matéria e movimento.
É notável que um trator cortando grama tem mais energia porque realiza mais trabalho do que um trabalhador com a roçadeira costal. De acordo com a física o trabalho realizado pela força ou energia é o produto da força pela distância. Energia é força vezes distância , E=Fd. A unidade de energia é J Joules, a de força é N Newton e a de distância é m metros. O que se pretende evidenciar é que a energia é uma grandeza matemática capaz de fazer o encontro dos movimentos e das massas movimentadas. Assim a energia de um corpo em movimento é produto de meio da massa pela sua velocidade ao quadrado E=1/2 m v² . O corpo não precisa necessariamente estar em movimento mas pode ter o potencial de entrar em movimento e então a energia é expressa pela massa vezes a aceleração vezes a distância que vai percorrer E=mad. Se a aceleração a coincidir com a aceleração da gravidade g de um corpo de massa m suportado em uma altura h tem-se a energia potencial E=mgh. Então energia é uma grandeza de corpos em movimento ou de corpos com potencial de entrar em movimento. Corpos contêm massa e massa é uma porção de matéria comparada com uma porção padrão de matéria de um quilograma em seus múltiplos e submúltiplos. A energia de um litro de combustível leva um pequeno carro por quinze quilômetros mas leva um caminhão por muito menos quilômetros. A energia deste mesmo litro de combustível leva uma motocicleta a 80 km por hora ao longo de 30 km mas será insuficiente se for a 180 km por hora.
Energia para a química é a vibração de elétrons, átomos e moléculas. Vibração é movimento de vai-e-vem. Na verdade todo movimento é vibratório. Quem vai ao trabalho volta dele. Vai passear e volta do passeio. Até mesmo o astronauta que foi à lua voltou dela. O tamanho do átomo é 10 mil vezes o tamanho de seu núcleo, se o núcleo tem um milímetro de diâmetro o átomo tem 10 metros de diâmetro. Assim, o elétron tem uma imensidão de espaço para movimentar. Os elétrons se movimentam em níveis. Quando um elétron ganha um quantum de energia ele salta para um nível mais exterior. Numa camada mais externa o elétron tem ainda mais espaço para se movimentar. Este movimento ou esta energia de movimento pode ser transferido para todo o átomo ou molécula. Molécula é o conjunto de dois ou mais átomos ligados por dois elétrons compartilhados. À medida que átomos se ligam energia de movimento fica armazenada nas ligações químicas. Moléculas de octano compõem combustíveis com oito átomos de carbono e dezoito hidrogênios ligados entre si por ligações química. A energia ou o movimento dos elétrons estão nessas ligações químicas. O movimento desses elétrons são transferidos para o movimento do carro. Ou ainda em outras palavras, a energia da ligação química faz o automóvel movimentar. Quando átomos vão se ligando entre si formando moléculas energia vai se incorporando e se armazenando nas ligações química. Algumas ligações químicas são muito energéticas e portanto muito difíceis de se romper.
Biologicamente energia é uma molécula, a molécula de adenosinatrifosfato. A energia está armazenada na movimentação dos elétrons da ligação química do terceiro fosfato a um oxigênio da restante da molécula. O movimento desses elétrons é transferido para a molécula de miosina que se movimenta sobre outra molécula de actina fazendo a contração muscular. Pela contração e distensão musculares o corpo é colocado em movimento e a vida se expressa através de movimentos. Produzir adenosinatrifosfato é a mesma coisa que produzir energia vital. Essa energia é gerada através de reação química que ocorre no interior das células musculares numa organela chamada mitocôndria. Esta reação química é chamada de fosforilação oxidativa e resulta do encontro de substratos alimentares também chamados coenzimas e oxigênio que chega às células musculares pela respiração. Assim tudo o que é necessário fazer para ganhar energia vital é treinar a célula muscular a se tornar mais eficiente nesta reação química. O substrato já está na célula via alimentação, e o oxigênio vai chegando via respiração. É preciso levar mais oxigênio para melhorar a ocorrência da reação. Nos esportes especialmente a corrida há o consumo desta energia e a mitocôndria se vê na contingência de produzir a energia já consumida. Na meditação há a produção de energia pela chegada do oxigênio sem que tenha havido consumo e a energia ou a molécula de adenosinatrifosfato tende a acumular no corpo levando os músculos a espasmos.
A energia usada pela vida vem do sol. O sol é uma enorme massa gasosa com temperatura da ordem de 5500 graus Celsius. O que há de intrigante aqui é que parte dessa massa é transformada em energia eletromagnética e nós vemos parte dessa energia na forma de luz. A quantidade de energia respeita a lei de Einstein e é igual à massa transformada vezes a velocidade da luz ao quadrado. Assim o sol bombardeia a terra a todo instante com uma enorme quantidade de energia que é recebida por uma molécula química chamada clorofila. A clorofila transfere essa energia para milhares de ligações químicas em milhares de moléculas de carboidratos através da reação química de fotossíntese das plantas. As plantas são verdes porque absorve energia de todas frequências de todas as cores exceto da frequência da cor verde. Assim o verde reflete para nossos olhos. Logo, a clorofila ao receber energia catalisa e estimula a fotossíntese e a energia vai se armazenando nos carboidratos fazendo com que as plantas sejam coletoras e armazenadoras de energia do sol. Em seguida os animais ingerem carboidratos que contém a energia nas ligações químicas. Carboidratos são mastigados, digeridos, absorvidos e nutridos chegando ao interior das células. Nas mitocôndrias celulares através da fosforilação oxidativa são produzidas as moléculas de adenosinatrifosfato, a unidade energética biológica da vida. Einstein provou a enorme quantidade de energia a partir e uma pequena massa através da produção da bomba atômica.
Orgasmo é um fenômeno molecular, diferente da ejaculação que é um fenômeno fisiológico. Normalmente o orgasmo pode ocorrer várias vezes durante um ato sexual ou massagem tântrica enquanto a ejaculação masculina ocorre uma vez. Orgasmo é a transferência de energia ou movimento de elétrons de uma ligação química da molécula de adenosinatrifosfato para moléculas circunvizinhas. Neste momento a molécula de ATP desaparece dando origem à molécula de ADP e uma molécula de Pi fosfato inorgânico. Neste momento há espasmos musculares acompanhado de grande prazer também chamado orgasmo. É um momento chamado de descarga neuromuscular de ATP.  Muscular porque ocorre na célula muscular e neuro porque um neurônio envia um sinal ao cérebro. Este fenômeno orgástico ocorre indistintamente em homens e mulheres. Já a ejaculação ocorre em todos os homens e ocorre em uma parcela das mulheres. É possível coincidência de orgasmo e ejaculação masculina podendo haver só orgasmo, sem ejaculação, e nesse caso o orgasmo é dito orgasmo seco. Essa mesma coincidência pode haver no caso feminino sendo que na maioria das vezes ocorre só orgasmo seco. Orgasmo é um momento em que a mente quase desliga, parece uma pequena morte, ou é de fato uma morte por alguns milésimos de segundo. Aliás, na língua francesa orgasmo é petit mort que em português quer dizer pequena morte ou orgasmo. É um momento sobre o qual pessoas relatam terem saído do corpo, terem viajado pelo universo ou terem regressado ao útero materno.
O prazer está no consumo de energia. O orgasmo ocorre no momento em que adenosinatrifosfato é consumida. O movimento dos elétrons da ligação química é transferido para o movimento de moléculas circunvizinhas. O homem tem vários orgasmos secos que ocorrem sem ejaculação e finalmente tem um orgasmo que coincide com a ejaculação. O orgasmo é um fenômeno molecular e a ejaculação é um fenômeno fisiológico. Ejaculação é o lançamento para o exterior do corpo do esperma através de movimentos peristálticos do pênis. Esperma é formado por espermatozoides, líquido seminal e líquido prostático. Todo homem ejacula porém apenas algumas mulheres ejaculam. A ejaculação feminina é formada por linfa que permeia até a bexiga e é lançada para o exterior. Importante ressaltar que orgasmo e ejaculação são fenômenos distintos embora possam coincidir. O segredo da massagem tântrica é a estimulação lenta e a qualidade do terapeuta que permite a estimulação lenta é a paciência. O ato sexual tradicional ocorre com uma estimulação muito rápida energizando apenas o aparelho reprodutor fazendo com que o prazer se limite aos genitais. Já a massagem tântrica não é rápida e requer uma sessão de aproximadamente duas horas. Os estímulos devem ser feito com muita lentidão para que a energia sexual seja exportada para o corpo inteiro. Após algumas sessões todo o corpo fica energizado em estado de prazer. Após uma hora de estimulação nos genitais ocorre um grande orgasmo consumindo toda a energia em alguns.
Há pessoas que têm orgasmo com facilidade bastando poucos estímulos, um olhar ou apenas a intenção. Essas pessoas têm orgasmo à flor-da-pele são fadas. Uma princesa fada foi ao lago resgatar seu anel de ouro e encontrou um sapo com quem conversou. À noite, de subto, viu o sapo com o anel em seu castelo. Excitadíssima, beijou o sapo que se transformou magicamente em um belo príncipe. Carlos Drummond de Andrade tem um poema magistral chamado o caso do vestido que reflete o orgasmo à flor-da-pele. Há pessoas que têm orgasmo com dificuldade necessitando de grande estímulo sexual. Essas pessoas dificilmente têm orgasmo ou nem os têm e são as bruxas. Por volta do século IV quando o império romano ruiu bruxas e bruxos foram resgatados para os conventos como sacerdotisas e sacerdotes. Quem não aceitou o resgate durante toda a idade média foi perseguido, morto e muitas vezes queimado em praça pública. Hoje a massagem tântrica e a tecnologia dos vibradores resolve a disfunção da falta de orgasmo. Hoje a ciência fisiológica e psicológica propõe solução para todas as disfunções de natureza sexual e a terapia tântrica é a mais bem sucedida terapia que através de um treinamento fisiológico consegue equilibrar os diversos patamares orgásticos. Na prática terapêutica o que se observa é que todas as pessoas têm orgasmo sendo que algumas  os têm num elevado patamar e que não descarregam sua energia totalmente o que é uma vantagem social pois estão sempre energizadas e radiantes para o convívio.
Normalmente respiramos sob demanda. À medida que o corpo precisa de energia, o coração bate com maior frequência e a inspiração leva ao pulmão. O oxigênio permeia o alvéolo e arteríola e vai pelo sangue arterial em maior quantidade às células e depois às mitocôndrias celulares onde por fosforilação oxidativa produz energia suprindo a demanda. O que a massagem tântrica faz é dar um cavalo de pau nessa situação, um giro de 180 graus, uma verdadeira inversão da situação. Ao invés de respirar sob demanda, respira-se sob oferta. Na posição deitada sem consumo de energia com o metabolismo reduzido ao metabolismo basal aumenta-se intencionalmente a frequência respiratória e a produção de energia. A energia vai se acumulando no corpo até um certo estoque a partir do qual a energia se consome provocando espasmos musculares e orgasmos. É dessa forma que o oxigênio é usado para o orgasmo. É dessa forma que o oxigênio induz a criação de energia e portanto a vida. É dessa forma que a massagem tântrica induz a vida. Quando o interagente está recebendo massagem tântrica, a certa altura, ele começa a respirar volumosa e espontaneamente. A isto chama-se impulsa de criação vital. É o momento mágico do início da transformação de toda a vida. Mais energia, mais alegria, mais saúde, mais disposição para o trabalho, mais criatividade nas decisões, mais sucesso. Quando o corpo tem muita energia, os desafios da vida se tornam mais simples, a confiança e o gosto pela vida se tornam maiores. É lindo.
Neurônio é um tipo celular constituído por neurônio sensorial e neurônio motor. Diferentemente da célula muscular que serve para produzir energia, a célula neurológica é especializada em levar sinais do corpo para o cérebro e trazer comandos do cérebro para o corpo. Os sinais são transmitidos por um mecanismo elétrico chamado potencial de ação. Cada neurônio não é conectado diretamente a outro. Entre dois neurônios há um espaço chamado sinapse preenchido por líquido contendo neurotransmissores. Neurotransmissores são átomos ou moléculas carregados eletricamente com excesso de elétrons ou falta de elétrons. Portanto, sinais elétricos percorrem o corpo através dos fios neurológicos levando sinais para o cérebro e trazendo sinais dele. Trata-se de uma bioeletricidade suscetível de ser desenvolvida através da massagem tântrica. A anestesia torna a sinapse isolante e a toxina tetanospasmina produzida pelo Clostridium tetani torna a sinapse hipercondutora. Já a massagem tântrica desenvolve a sinapse fisiologicamente modulando a condutividade tornando-a mais condutora em momento orgástico retornando imediatamente à condutividade normal quando não submetido a estímulos. O corpo humano é o que mais tem neurônios dentre os animais. Os neurônios estão irregularmente distribuídos no corpo mas funcionam adequadamente captando qualquer sinal de anormalidade. O corpo humano, exceto o cérebro, tem em torno de 65 milhões de neurônios e somente o cérebro tem 85 bilhões de neurônios.
A glande peniana possui 4 milhões de neurônios e a glande clitoriana possui 8 milhões. Considerando que a glande peniana é 20 vezes maior a glande clitoriana verifica-se que a densidade neurológica no clitóris é pelo menos 40 vezes maior que no pênis. Isto é um indicador de que a sexualidade feminina é mais exuberante que a masculina. Há muitos indicadores da diferença entre a natureza feminina e masculina. E então é interessante perguntar: por que a longevidade feminina é pelo menos 5 anos maior que a masculina ? E a resposta: porque a condição hormonal da mulher é mais adequada. Porque a mulher tem aparelhos capazes de produzir hormônios que levam a uma fluidez da musculatura o que facilita a desintoxicação tornando-a em melhores condições de produzir energia, adenosinatrifosfato. Já o homem tem uma musculatura mais rígida por causa de seus hormônios que abriga moléculas prejudiciais ao metabolismo e produção de energia. A mulher é regida preferencialmente por progesterona e ocitocina que dá fluidez, permeabilidade e relaxamento à musculatura. Por outro lado o homem é regido preferencialmente pela testosterona e adrenalina que fortalece e robustece a musculatura. Aspectos hormonais tornam a mulher mais sexualizada que o homem. Talvez como compensação a uma dificuldade orgástica o homem se vale de uma enorme fantasia que a mulher não tem. A mulher pode permitir maior prazer ao corpo multiorgástico enquanto o homem é um controlador através mente.
O pênis tem uma parte interna e outra externa. A parte externa é formada por glande, prepúcio e haste. Masturbar é deslizar o prepúcio sobre a haste. Ao fazer isso a musculatura do pênis se contrai e distende em movimento peristáltico lançando esperma para o exterior. A masturbação é uma manifestação biológica natural, bem-vinda se praticada com moderação. Contudo, a masturbação pode se tornar um ato reflexo, um hábito ou habituação em que a pessoa expele mais esperma do que o aparelho genital está capacitado para repor o estoque e a pessoa fica esgotada em sua energia. Esperma é um líquido viscoso constituído por espermatozoides mais líquido seminal mais líquido prostático expelido na ejaculação. Doze hora após a ejaculação o corpo detecta que o testículo, a vesícula seminal e a próstata estão esvaziados e dá início à produção de novo estoque. Ocorre que esta produção consome grande quantidade de energia fazendo a pessoa sentir-se esgotada ou deprimida. É de toda conveniência economizar essa energia para outros usos no corpo. A massagem tântrica está adequadamente dimensionada para cumprir este papel terapêutico. Através de uma estimulação lenta a musculatura do assoalho pélvico vai se fortalecendo e os genitais vão se adaptando a um novo paradigma, a um novo ato reflexo, a uma nova habituação em que a ejaculação só acontece quando todos os órgãos do aparelho reprodutor já foram energeticamente preservados ou abastecidos. Neste contexto a próstata tem um papel equalizador de energia orgástica.
A parte externa do aparelho genital feminino chama-se vulva. A medicina usa a palavra pudendo para se referir à parte externa do aparelho genital indistintamente para o masculino ou feminino com a conotação de que é algo do qual se deve ter pudor. A vulva não deve ser confundida com vagina que é o tubo que liga o útero ao exterior. A vulva e a vagina são órgãos a serem massageados na massagem tântrica de forma técnica, sem sensualidade, sem afinidade, sem envolvimento com o terapeuta. O terapeuta deve permanecer com roupa, a pessoa que recebe a massagem deve estar despida. O princípio interativo deve ser mão no corpo. Ou seja, o terapeuta toca no corpo do interagente apenas com as mão visando obter um resultado muscular, fisiológico e hormonal. Isso não impede que os interagentes fiquem excitados e tenham intensos orgasmos ou ejaculações. O terapeuta é um profissional da massagem tântrica e tem conhecimento de sua neutralidade no processo de cura do interagente através da sexualidade. Estimulação do aparelho sexual faz bem para a saúde e todo ser humano deve se beneficiar deste fenômeno metafísico. Não é trivial, não é óbvio, não é instintivo, não é natural e não é espontâneo, ao contrário, requer uma nítida intervenção da inteligência, do pensamento e da consciência para pôr a máquina corporal a rodar a partir da sexualidade. Há um momento chamado impulso da criação vital durante a massagem em que o interagente passa a respirar volumosamente, todo o corpo se envolve, e a vida se revela na sexualidade.
Pênis e clitóris têm quase a mesma forma. O que muda é o tamanho. Por causa do tamanho o pênis tem uma frequência natural bem baixa que se ajusta a uma vibração da ordem de um movimento por segundo ou 60 movimentos por minuto o que é possível fazer com a mão. Já o clitóris por ser tamanho pequeno tem uma frequência natural da ordem de 10 movimentos por segundo o que é difícil de fazer com a mão, mas não impossível. Terapeutas treinados podem fazer um massagem manual no clitóris com muito sucesso. Todavia, a ciência e tecnologia deu uma solução magistral para esse caso, o vibrador. O vibrador não dispensa a massagem manual e deve ser usado em função da característica orgástica da interagente. A fada, mulher que tem orgasmo com facilidade deve receber vibrador por 15 minutos numa sessão. A bruxa, mulher que tem dificuldade em ter orgasmo deve receber vibrador por 45 minutos. O vibrador deve ser apontado para a haste clitoriana, nunca para a glande clitoriana. Se o vibrador tocar na glande pode haver um desconforto também chamado de agonia. O clitóris apresenta um enraizamento de terminações nervosa que atingem a parte interna superior da vagina que é o ponto G, ponto de Grafenberg, alemão que pioneiramente caracterizou essa região. O toque simultâneo de vibrador no clitóris e ponto G é a técnica para permitir orgasmo a qualquer mulher que tinha dificuldade ou absolutamente não tinha orgasmo. No homem o vibrador não produz nenhum efeito significativo e manobras manuais são suficientes.
Toda a musculatura do corpo tem a capacidade de produzir energia para que ele viva. Em especial a musculatura do aparelho reprodutor pode produzir e exportar energia para outros órgãos. Convém usar essa energia para as várias funções do corpo e não apenas para produzir orgasmo nos genitais. Usar para orgasmo no corpo inteiro. Usar para outras finalidades como amor, alegria, felicidade, sorrir, trabalhar, criar, pensar, estudar e muitas atividades intelectuais úteis para o sucesso. A massagem tântrica mobiliza sua energia em benefício da saúde, bem-estar e longevidade. A musculatura pélvica fica numa região bem protegida e é somente a sexualidas capaz de colocá-la em atividade. A corrida, o futebol movimentam a musculatura das pernas, o tênis movimenta a musculatura dos braços. Observe que a musculatura que envolve o aparelho reprodutor fica sempre parada a menos que por decisão a coloque em atividade via sexo ou massagem tântrica. Portanto mesmo que esteja sem desejo de realizar um ato sexual ou receber uma massagem tântrica, saiba que deve decidir por isso não apenas por prazer mas principalmente por saúde, bem-estar e longevidade. A sexualidade faz bem à saúde observou Shiva há mais de 6 mil anos. A humanidade evoluiu muito desde então mas não o suficiente para que todos possam usufruir deste benefício. Pessoas continuam dependentes da medicina e os hospitais estão lotados de doentes. A saúde é o normal embora pareça que a doença seja o normal. Pratique o tantra e em breve vai se sentir transformado.
Masturbação, sexo e massagem tântrica. Masturbação e sexo são baseados na fantasia, é psicogênico ou psicológico, têm origem psíquica com consequências para o corpo. Começa no pensamento e mobiliza poucos músculos dos genitais. O processo sexual demora em média 15 minutos e o masturbatório em torno de 3 minutos com a finalidade intrínseca de produzir ejaculação. A massagem tântrica envolve muitos músculos, não apenas dos genitais mas do corpo inteiro durante uma hora e evita ejaculação. A massagem tântrica deve ser antes de tudo um exercício muscular aeróbico com grande prazer, um fenômeno fisiológico e hormonal. Envolve o corpo exclusivamente, não o cérebro. O cérebro deve entrar em meditação. Meditar é desligar o cérebro, é silenciar o pensamento. Por mais difícil que isso seja, o exercício consiste em retornar ao silêncio a cada vez que pensamentos inoportunos ocorrem. Desta forma a massagem tântrica leva o corpo ao equilíbrio e cura doenças. No caso masculino deve-se reduzir o número de ejaculações ao mínimo possível. A sexualidade fisiológica começa aos 12 anos de idade. Aos 16 anos o jovem encontra-se em franco desenvolvimento podendo ejacular até 5 vezes por dia. A maturidade do aparelho reprodutor se completa aos 20 anos a partir de quando as ejaculações começam a diminuir prosseguindo em diminuição por toda a vida adulta. A partir de 80 anos de idade as ejaculações cessam definitivamente. Claro que pode haver exceções, mas em geral, em média é fácil reconhecer esses acontecimentos.
É possível traduzir palavras do Sânscrito para o Português mas não é possível traduzir toda uma cultura. De modo que algumas palavras sânscritas prevalecem sendo usadas na língua original. Um sem número de nomes vulgares podem ser atribuídos ao genital feminino. Todos com conotação negativa. O nome literal para o genital feminino externo é vulva. Não tem conotação negativa nem positiva, é neutro. Em sânscrito o nome tem conotação positiva, YONI. Significa lugar de nascimento, início da vida. Assim notamos um sinal de respeito com que a cultura sânscrita se diferencia da cultura latina. O nome do genital masculino é LINGAM. Significa suporte, sustentação da vida. Outras conotações são corrente no meio tântrico. Yoni significa fazer uma massagem na yoni e lingam fazer uma massagem no lingam. Shiva significa masculinidade, caráter masculino. Shakti significa feminilidade, caráter feminino. Na cultura sânscrita a Shakti, a mulher, tem valor de destaque dando origem a sociedades de princípios matriarcais, desrepressores e sensoriais. Um aprendizado cultural de respeito ao corpo que se sobrepõe à sua opressão. E o corpo não conhece outra linguagem que não seja a da libertação. A mente não oprime o corpo. A mente liberta o corpo. E o corpo se apresenta de maneira natural, espontânea, não mais sujeito a estresse, não mais sujeito a tensões, não mais sujeito a sofrimento. Isso é muito, ter os sentidos perfeitos, tato, olfato, gosto, audição, visão. Perceber o corpo e perceber o mundo com muito prazer.
Rito de acolhimento. Quando uma pessoa vai receber massagem pela primeira vez é natural que se sinta acanhada e tímida. Então nesse caso é bom que antes da pessoa se despir, o terapeuta sente com ela na posição de lótus sobre o colchonete e conversem enquanto se olham fixamente um nos olhos do outro. O terapeuta informa que a pessoa poderá se despir quando se sentir preparada para isso. É oportunidade para o terapeuta firmar seu compromisso profissional. A pessoa que vai receber a massagem poderá manifestar suas intenções e expectativas. O terapeuta continua olhando nos olhos reduzindo com esse gesto a timidez da pessoa. O terapeuta se afasta e se ajoelha na borda do colchonete enquanto a pessoa se deita de barriga para cima com as pernas afastadas. Cabe ao terapeuta desde o primeiro contato com o cliente identificar os motivos pelos quais ele busca a terapia tântrica. Em muitos casos o cliente está perfeitamente saudável e sem nenhuma timidez buscando a massagem apenas por recreação. Todavia, se for identificado que o cliente busca porque precisa se curar de algum trauma é conveniente que o terapeuta preencha uma ficha de anamnese. O terapeuta conduz a anamnese cuidando para as contra indicações como idade entre 20 e 80 anos, não ser hipertenso, não ser diabético e não estar grávida nos primeiros ou últimos meses da gravidez. Durante a massagem o terapeuta fica atento para a leitura do corpo observando todas as reações que estejam ou não com os efeitos da massagem tântrica.
A massagem tântrica é feita com a ponta dos dedos em todo o corpo por quarenta minutos para ativar a bioeletricidade e com as mãos em luvas e óleo por uma hora para elevar o orgasmo. E mais vinte minutos para o corpo integrar as sensações resultando num total de duas horas. Somente a massagem tântrica consegue este resultado extraordinário, manter a ereção no homem por uma hora sem ejaculação e proporcionar multiorgasmos na mulher. Após várias experiências o corpo tem profunda transformação no sentido da saúde. Com a vivência no mundo tântrico a mulher deve mudar a maneira de olhar para a ejaculação masculina. A mulher deve deixar a volúpia de ver o homem ejacular. Deve deixar de se sentir culpada caso o homem não ejacule. Ora, não ejacular é um paradigma do tantra. A terapeuta deve fazer uma massagem para produzir orgasmos secos, ou seja, o cliente não deve ejacular. Mesmo que o interagente insista em querer ejacular, com o tempo será convencido dos benefícios de não ejacular. O homem deve fazer a massagem na mulher que termine com o uso do vibrador. Mais de noventa por cento das mulheres são receptivas ao uso desta impressionante tecnologia. Há dois vibradores que comportam esta tecnologia, o bullet, ultra seven vector egg e o mini miracle, my mini miracle massager-electric. A essência do resultado encontra-se na frequência e amplitude da vibração. Não dá o mesmo resultado os demais vibradores encontrados em abundância nos sexyshops. O bullet e o mini miracle são os que podem curar a anorgasmia.
Estimulação lenta é o segredo da massagem tântrica e a qualidade do terapeuta para realizar esse segredo é a paciência. A massagem tântrica tem 3 fases, a massagem sensitiva, a massagem nos genitais e o descanso ou integração final num total de pelo menos 2 horas. O tempo terapêutico é diferente do tempo cronológico. Para o interagente o tempo passa muito rápido porque tem prazer e o tempo para o terapeuta passa devagar porque faz um trabalho que exige muita sustentação muscular e isso requer condicionamento físico e mesmo condicionamento atlético. Exercícios de yoga são necessários para dar ao terapeuta as condições físicas necessárias para o bom desempenho em aplicar a massagem. A própria aplicação da massagem é um exercício de yoga. Cumprindo o compromisso da estimulação lenta divide-se o corpo em 8 regiões espaciais e faz-se massagem sensitiva por 5 minutos em cada parte num total de 40 minutos. O terapeuta não deve se apoiar no corpo nem retirar a mão do corpo porque traria desconforto ao interagente ao invés de prazer. O terapeuta deve flutuar sobre o corpo como uma borboleta dando leveza e prazer no toque. A massagem no genital começa com massagem manual começando a intensificar os estímulos e em seguida usar vibrador modulando a potência com 5 intensidades crescentes sendo 3 velocidades do bullet e 2 do miracle. O terapeuta pode ficar em 5 posições enquanto faz a massagem mas nos últimos 15 minutos deve estar na posição sentado nos tornozelos para ter maior liberdade nos braços.
Massagem na yoni. Nos primeiros 15 minutos faz-se um espalhamento de óleo e massagem manual nos genitais e região pélvica. Espalhar óleo na parte interna das coxas e no abdômen. Drenar a linfa das coxas e abdômen no sentido da yoni. Deslizar suavemente os polegares sobre os grandes lábios. Deslizar de cima para baixo o indicador no sulco entre lábios. Pinçar os grandes lábios entre o polegar e indicador, deslizar de cima para baixo e de baixo para cima. Pinçar e deslizar também nos pequenos lábios. Pinçar com o polegar e indicador o clitóris em sua base e puxar. Pinçar com quatro dedos das duas mãos e massagear. Tocar um vibrador de baixa potência na haste do clitóris. De 15 a 30 minutos usar vibrador bullet na velocidade 1. Para cada velocidade há 3 manobras para tocar a haste clitoriana com o vibrador. A primeira é colocar 3 dedos em parede para apoiar o clitóris enquanto o vibrador toca do lado oposto. A segunda é colocar polegar e indicador em pinça para o vibrador se aproximar da glande clitoriana. E a terceira é colocar o polegar em parede para apoiar o clitóris e o vibrador toca do outro lado. Os demais dedos ficam em baixo do clitóris massageando a região da uretra. De 30 a 45 minutos repetir essas manobra com o vibrador na velocidade 2 e de 45 a 60 minutos com a velocidade 3. Quando a interagente tem facilidade em ter orgasmos privilegia-se as manobras manuais. Quando ela tem dificuldade em ter orgasmos usa-se mais os vibradores. Se necessário, usar vibrador de mais alta potência que é o mini miracle. No final da massagem o terapeuta deve sustentar o vibrador estavelmente apesar do movimento da pélvis o que requer bom acondicionamento muscular dos braços.
Massagem no lingam Espalhar óleo na virilha, parte interna da coxa, abdômen e no próprio lingam e empurrar a linfa com as duas mãos para a região do lingam. Proceder as 7 manobras básicas. Cama, pôr uma mão em apoio e discorrer a outra mão sobre o lingam nos sentidos do número do relógio horário e anti-horário. Enforcamento, segurar a glande com uma mão e esticar o prepúcio com a outra mão apertando na base do lingam. Alongamento, com o prepúcio esticado puxar o lingam para cima até escapar. Anelamento, com o prepúcio esticado tocar o anel da glande com a ponta dos dedos colocando a glande entre cada dois dedos. Chuveiro, tocar com todos os dedos de uma mão o topo da glande e descendo até que esta toque na palma da mão. Chapéu chinês, com a mão semi-aberta tocar toda a superfície da glande. Máquina-de-lavar, girar as duas mãos abraçadas ao lingam em sentido oposto. Reciclar todas as manobras com mais velocidade e pressão. O segredo da massagem tântrica é a estimulação lenta. Nos primeiros 15 minutos faz-se o espalhamento do óleo e massagem na região pélvica. De 15 a trinta minutos faz-se apenas a manobra da cama com muita paciência sem tocar na glande. De 30 a 45 minutos faz-se as 6 manobras da sequência. E nos últimos 15 minutos recicla-se todas as manobras com mais velocidade e pressão. Cabe à terapeuta desenvolver habilidade na leitura do corpo e modular a velocidade e pressão para evitar a ejaculação. Cabe à terapeuta convidar o interagente a se interessar num esforço para não ejacular. Evitar a ejaculação é possível após um treinamento e é exatamente este fato que vai elevar o patamar orgástico do interagente. Terapeuta e interagente precisam conversar muito a respeito de não ejacular até que o interagente comece a desfrutar dos benefícios. Enquanto isso ficamos satisfeitos com o argumento de que ejaculação é bem-vinda mas não necessária.
Integração. É um momento de 20 minutos de descanso, quando um interagente sente o prazer da vivência experimentada. Muitos oferecem um depoimento dizendo que a experiência foi deliciosa, ou foi divina ou foi sagrada. É a oportunidade para o corpo reconhecer e recodificar a vivência com um potencial orgástico em um sentimento de comunhão com o que é sagrado. É o momento para que o interagente identifique como se dá seu processo interno. Uma interagente relatou que sentiu que seu corpo era o universo e que seu útero era o planeta terra.  Um outro relatou que sentiu sair do corpo e de certa altura ficava observando seu corpo no chão. Os relatos são diversos mas todos têm em comum um profundo alívio, um corpo mais leve, um imenso sentimento de gratidão. E assim, eis que começa uma nova vida, transformada, apta a enfrentar desafios com mais criatividade, mais naturalidade, mais sabedoria e então as dificuldades ficam fáceis, os desafios ficam oportunidades e as dores ficam experiências enriquecedoras. É também um momento para o terapeuta que, sentado à cabeceira observa as reações do interagente, reflita sobre seu trabalho de cura. O terapeuta pensa como conduziu a terapia e que resultado obteve. O terapeuta pensa em como melhorar seu trabalho visando sempre o melhor para o cliente. Depois conversa com o cliente obtendo informações enriquecedoras. O terapeuta certifica-se de que o cliente está satisfeito e aceita o desafio para uma carreira de sucesso considerando que caso o cliente não esteja satisfeito não precisa pagar. O que queremos receber é o valor mais justo possível após reconhecimento de que prestamos um serviço de qualidade. E então nos comprometemos em aperfeiçoar sempre, fazendo cursos, participando de eventos, lendo livros porque o tantra tem começo mas não tem fim. Olhando para dentro de nós enfrentamos a vida como uma pesquisa eterna.
Fim do curso de tantra

 

InstitutoDeva

Rua Plutão, 51, Campinas, SP, Jardim do Sol, Barão Beraldo

 devaadheesh@gmail.com 19 99866-3344 / 19 98893-6801